sexta-feira, 22 de agosto de 2014

113ª Morte violenta em Mossoró - Cam Morreu em troca de tiros com o GTO

“Cam” Um dos jovens mais temidos e com muitos registros e passagens por delegacias e pelo Ceduc, morreu em confronto com policiais do Grupo Tático Operacional da cidade de Mossoró no Rio Grande do Norte.

Francisco Emanuel Pereira da Silva, “Cam”, 20 anos de idade, morador de uma vila na Rua Ferreira Leite no Bairro 12 anos, reagiu a uma abordagem e morreu na troca de tiros com os militares.

Segundo informações, “Cam” estava de motocicleta com uma mulher e quando percebeu a aproximação dos policiais atirou e tentou fugir. Durante a perseguição que terminou na Rua João Damásio no Bairro Belo Horizonte, ele foi baleado e caiu da motocicleta. A mulher conseguiu escapar e não identificada pela Policia. 

“Cam” foi socorrido às presas pelos militares, mas não resistiu e morreu logo após dá entrada no Tarcísio Maia, para onde estava sendo conduzido.

Segundo informações da policia, “Cam” juntamente com uma mulher, eram responsáveis por vários crimes de homicídios em Mossoró. Na ultima vez que foram presos portando ilegalmente uma arma de fogo eles assumiram três. O mesmo era interno do Centro Educacional, Ceduc de Mossoró.

Nenhum comentário:

Postar um comentário